Reprodução/Internet

Semob alega falta de notificação e continua aplicando multa

A Gazeta

Câmeras de videomonitoramento continuam multando veículos que utilizarem a faixa exclusiva de ônibus e caminhões pesados que andarem por áreas de restrição em Cuiabá.

Informação foi confirmada  nesta terça-feira (27) pelo secretário municipal de Mobilidade Urbana, Antenor Figueiredo.

Apesar de haver uma decisão da Justiça Federal que considerou que o uso de câmeras capazes de registrar imagens do interior do veículo viola o direito à intimidade e à privacidade, o secretário pontuou que não recebeu notificação do Conselho Nacional de Trânsito (Contran).

“Nós vamos aguardar, até porque o Contran entrou com recurso contra essa ação, então precisa aguardar o recurso ser julgado. Então por enquanto está valendo a multa, mas lembrando que a Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Semob) não faz multa de monitoramento por uso de cinto ou celular”, explicou.

Figueiredo ainda alertou que a proibição de uso das câmeras podem aumentar o número de acidentes e deixar os infratores impunes.

“A fiscalização eletrônica já comprovou a redução de acidentes de trânsito. Algumas vias aqui em Cuiabá que acabaram os acidentes de grande velocidade. Infelizmente estaremos dando um passo para trás”, lamentou.


O que achou desta matéria? Dê sua nota!:

0 votes, 0 avg. rating

Compartilhar:

Escreva um comentário