Marcos Vergueiro

Contra greve geral, secretário diz que está de portas abertas para negociar

Ana Flávia Corrêa-GD

Secretário-chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho afirmou na quarta-feira (9) que deve continuar negociando com o Fórum Sindical para pagamento de salários atrasados, 13º e Revisão Geral Anual (RGA). “Nós estamos de portas abertas para que os servidores apresentem uma outra solução para que nós possamos pagar os salários e o 13º antecipadamente do que ficou estabelecido”, prometeu Carvalho.

A afirmação é uma resposta à ameaça de greve geral unificada dos sindicalistas, que dizem não terem suas reivindicações atendidas. Eles estão insatisfeitos com o posicionamento do governador Mauro Mendes (DEM) durante reunião na última terça-feira (8) e deram carta branca para que os sindicatos se mobilizem.

Apesar da proposta de Carvalho pelo diálogo, os sindicalistas explicitaram que não devem negociar o que chamaram de “direito fundamental à verba alimentícia” e que não devem se silenciar frente à decisão governamental.

Durante a reunião com o governador, não houve novidade quanto aos proventos que ficaram pendentes de pagamento pela gestão do ex-governador Pedro Taques (PSDB). A quitação dos salários relativos ao mês de dezembro deve ocorrer entre 10 e 30 de janeiro e o 13°será pago em 4 parcelas.

“As soluções precisam ser republicanas e dentro do que estabelece a lei. Nós não vamos deixar de fazer os repasses constitucionais aos municípios e ser responsabilizados por improbidade”, completou o secretário-chefe.


O que achou desta matéria? Dê sua nota!:

0 votes, 0 avg. rating

Compartilhar:

Escreva um comentário