Divulgação

Prefeito pede suspensão de pleito na AMM por irregularidades

Janaiara Soares-GD

Candidato a presidente da Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM), o prefeito de Araguainha, Silvio José de Morais Filho (PSD), pediu a suspensão do processo eleitoral, que está previsto para ocorrer nesta sexta-feira (7). Segundo ele, a comissão eleitoral teria feito alterações em sua chapa, o que foi interpretado como uma tentativa de beneficiar seu adversário, o atual presidente Neurilan Fraga (PSD).

O problema começou com a impugnação da presença de Dênio Peixoto Ribeiro, prefeito de Planalto da Serra, na chapa de Silvinho. Como ele ainda assumiu o comando do município, precisou ser substituído. O escolhido foi o prefeito de Acorizal, Clodoaldo Monteiro, que também acabou impugnado sob o argumento de que a prefeitura está inadimplente com a AMM. A terceira substituição, então, foi pelo prefeito interino de Planalto da Serra, o vereador Rosimar Alves Pereira. A defesa de Silvinho sustenta, contudo, que na publicação oficial, a comissão acabou mantendo o nome de Clodoaldo na chapa.

Os pedidos de impugnação partiram da chapa liderada por Neurilan. Por conta disso, Silvinho afirma que a comissão eleitoral não estaria agindo de forma imparcial. “De forma desarrazoada e parcial, a Comissão Eleitoral, sob o pretexto de rever suas decisões, alterou, unilateralmente a chapa ‘AMM Mais forte e transparente’”, diz trecho da ação proposta.

Ainda segundo o candidato, a comissão também decidiu, “sem qualquer motivo ou fundamento”, admitir a participação no pleito de os municípios supostamente inadimplentes, o que inclui Acorizal. “Clarividente as ilegalidades perpetradas, ofendendo frontalmente os princípios corolários da segurança jurídica, alterando-se as regras da eleição a todo o momento”, diz outro trecho da ação.

A comissão já foi notificada para que, em um prazo de 24 horas, se manifeste sobre o pedido de suspensão da eleição ou não. A reportagem tentou contato com Neurillan Fraga, mas ele não atendeu nem retornou as ligações até o fechamento desta edição.


O que achou desta matéria? Dê sua nota!:

0 votes, 0 avg. rating

Compartilhar:

Escreva um comentário