Reprodução

Bandidos podem ter ficado 2 dias na agência do BB e após roubo deixam recado

Rayane Alves do GD

O caso que mobilizou dezenas de policiais militares na Avenida Getúlio Vargas, na região central de Cuiabá, num cerco nas imediações de uma agência do Banco do Brasil na noite de domingo (1°) por suspeita de assalto, começou a ser investigado pela Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), da Polícia Civil.

Imagens do interior da agência toda revirada foram divulgadas nesta segunda-feira (2) e confirmam que, de fato, o banco foi alvo de ladrões. Até um bilhete foi deixado pelos criminosos. Ainda não se sabe qual a quantia de dinheiro que foi levada pelos assaltantes.

Os policiais suspeitam que os ladrões tenham ficado dentro da agência desde a sexta-feira (29). As imagens do circuito interno de segurança foram solicitadas para ajudar nas investigações.

Os bandidos também deixaram um recado audacioso na porta da geladeira da agência: “Muito obrigado pela gentileza”.

Membros da Gerência de Operações Especiais (GOE) e do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) continuam fazendo uma varredura pela área, mas até as 10h50, desta segunda-feira, nenhum suspeito foi preso ou identificado.

A informação preliminar seria que os suspeitos abriram um buraco na parede. Algumas ferramentas também foram usadas para arrombar os cofres. Por enquanto, ainda não foi estimado o valor levado pelos criminosos.

Sacos de moedas foram deixados pelos ladrões e apreendidos pela Políicia Militar.

Viaturas foram colocadas no cruzamento da Avenida Tenente Coronel Duarte (Prainha) para impedir que veículos subissem pela Getúlio Vargas.


O que achou desta matéria? Dê sua nota!:

0 votes, 0 avg. rating

Compartilhar:

Escreva um comentário