Getty Images

Filha de Elvis acusa empresário de queimar US$ 100 milhões e a jogar em crise financeira

Revista Monet

A cantora Lisa Marie Presley está acusando o seu ex-empresário de ter gastado US$ 100 milhões, o equivalente a cerca de 325 milhões de reais, de sua fortuna e a jogado na crise financeira que ela vive atualmente. De acordo com o jornal New York Daily News, por conta do suposto uso ilegal de sua fortuna, a filha de Elvis Presley está processando o empresário Barry Siegel por quebra de confiança, negligência e fraude.

De acordo com os documentos obtidos pela imprensa norte-americana, Lisa afirma no processo que Siegel fez uso de seu dinheiro para se colocar como investidor e entrar no círculo de celebridades do qual ela faz parte. A cantora diz ter restado apenas US$ 14 mil dólares em dinheiro e US$ 500 mil no banco de sua fortuna original. “Ela está em busca de culpar outras pessoas ao invés de assumir responsabilidade por suas ações”, afirmou representante legal do ex-empresário da artista.

Enquanto processa seu ex-empresário, Lisa Marie Presley é alvo de um processo por parte de seu ex-marido, o cantor Michael Lockwood. Ele acusa a ex de ter inventado uma dívida no valor de US$ 16,8 milhões, valor equivalente a cerca de 55 milhões de reais, para não pagar pensão a ele. Casados ao longo de 10 anos, Lisa Marie e Michael Lockwood estão brigando não apenas por uma pensão exigida por ele, mas também pela divisão de seus bens e a guarda das filhas dos dois.

Lisa Marie Presley e o ex-marido, Michael Lockwood (Foto: Getty Images)

O que achou desta matéria? Dê sua nota!:

0 votes, 0 avg. rating

Compartilhar:

Escreva um comentário