Reprodução/TV Globo

Cenas de “Supermax” revoltam associações protetoras dos animais

TV Foco

A Globo levou ao ar algumas chamadas polêmicas da série “Supermax”, que estreou nesta semana em sua grade de programação, na faixa das 23h. Nelas, havia um gato sendo torturado sem o menor constrangimento por parte da emissora.

Essas cenas, é claro, despertam a ira de associações protetoras dos animais, que fizeram vários textos de repúdio nas redes sociais. A direção da emissora, no entanto, resolveu falar sobre o assunto e explicar as imagens que foram ao ar na TV aberta.

“Todas as cenas de terror foram feitas com auxílio de computação gráfica. A emissora tem cuidado com isso e não permite qualquer tipo de maus-tratos”, diz a nota, de acordo com informações da colunista Patrícia Kogut, do jornal O Globo.


O que achou desta matéria? Dê sua nota!:

0 votes, 0 avg. rating

Compartilhar:

Escreva um comentário